Make your own free website on Tripod.com

www.robledocosta.com.br

AMOR É FOGO QUE ARDE SEM SE VER

HOME
CURRÍCULO
PROJETO VIOLÊNCIA E TRAGÉDIA NO RJ (Destaque na Mídia)
PROJETO PUC MINAS (Educação, Meio Ambiente e Cidadania)
PROJETO GALERA DE ATITUDE (Programa da TVE-RS)
PROJETO HISTORIADOR POR UM DIA (Arquivo Público do RS)
PROJETO EU, PORTO ALEGRE (Usina do Gasômetro)
PROJETO MUSEU DA PESSOA (Toda Escola Tem História Para Contar)
PROJETO ÚLTIMOS DIAS DE SUPER-HERÓI (Fundação Vida Urgente)
CURTA-METRAGEM NA ESCOLA (Porta Curtas)
HISTÓRIA (Textos)
LITERATURA NA AULA (Poemas)
MÚSICAS (Sugestões de Estudo)
FILMES (Análise Histórica)
LINKS
GALERIA DE FOTOS
CONTATO

Amor é um fogo que arde sem se ver,

É ferida que dói, e não se sente;

É um contentamento descontente,

É dor que desatina sem doer.

 

É um não querer mais que bem querer;

É um andar solitário entre a gente;

É nunca contentar-se de contente;

É um cuidar que ganha em se perder.

 

É querer estar preso por vontade;

É servir a quem vence, o vencedor;

É ter com quem nos mata, lealdade.

 

Mas como causar pode seu favor

Nos corações humanos amizade,

Se tão contrário a si é o mesmo Amor?

Este soneto de Luís Vaz de Camões, foi publicado postumamente em 1595 e tem por origem o texto bíblico 1, Coríntios 13.

www.robledocosta.com.br - Todos os direitos reservados.